Pensamento positivo

 

Porque será que tem dias que agente se sente pra baixo?

Já reparou que quando acontece isso, nosso dia fica estranho, agente fica com vontade de sumir, chorar, xingar…

Sempre que isso acontece começa a dar tudo errado.

Acho que muito disso tem há ver com a energia que atraímos, é mais ou menos como está escrito no livro “o segredo”: pensamentos negativos atraem energia negativa e pensamentos positivos atraem energia positiva.

O melhor, mas não o mais fácil, jeito de conseguir passar por uma adversidade, é tentar ver o lado positivo das coisas, sejam elas boas ou ruins.

Como já diria a legião urbana:

“Quando tudo está perdido
Sempre existe um caminho
Quando tudo está perdido
Sempre existe uma luz”

Flávio Naves e Marcelo Naves

Flávio Naves é considerado um dos especialistas no Brasil em órgão Hammond.Já participou dos principais festivais do gênero no país ao lado de Nuno Mindelis, Lancaster, Deacon Jones, Kenny Brown e outros. Executando repertório instrumental, é acompanhado pelo gaitista Marcelo Naves

Quando: 02/10 as 19h
Quanto: Grátis
Onde: SESC Avenida Paulista – av. Paulista, 119 – Paraíso Tel: 11 3179-3700

Ai Yazaki Quarteto

A banda, formada por Ai Yazaki(piano) Yoshiya Kusamura(sax) Edu Malta(baixo)e Rodrigo Braz(bateria), se apresenta com a participação de convidados especiais, o percussionista Caito Marcondes e o vibrafonista André Juarez. (Jazz)

Quando: 03/10 as 12:30 h
Quanto: Gratis
Onde: Centro Cultural São Paulo Sala Adoniran Barbosa – R. Vergueiro, 1.000 – Liberdade – Centro. Telefone: 3383-3402.

Giana Viscardi

A jovem cantora e compositora deve apresentar canções de seu CD de estréia, “4 3 2 1”, que traz releituras de Joubert de Carvalho, dos Beatles e de Tom Jobim, entre outros músicos. (MPB)

Quando: 04/10 as 21h
Quanto: Grátis
Onde: Teatro Décio de Almeida Prado
R. Cojubá, 45 – Itaim Bibi – Oeste. Telefone: 3079-3438.

CCJ Independente

O evento traz shows, oficinas, exposições e mostra de cinema, que celebram a cultura alternativa. Todas as atividades são gratuitas. Haverá shows de hip hop, música instrumental, punk rock e ska. O destaque é a participação de artistas internacionais, como a dupla inglesa Hedluv & Passman e a banda alemã de ska, Jazzbo. Há também a Semana Temática de Literatura Independente. Nela, por meio de debates e encontros, o público conversa com escritores como Clarah Averbuck e Ferréz. (Variado)

Quando: 05/10 as 14h
Quanto: Grátis
Onde: Centro Cultural da Juventude Anfiteatro
Av. Dep. Emílio Carlos, 3.641 – Vila Nova Cachoeirinha – Norte. Telefone: 3984-2466.

Cascabulho

O grupo Cascabulho, destaque como nome que se consagra ao abrir os olhos de uma geração de músicos pernambucanos que mantém-se fiel à cultura regional. Composto por Kleber Magrão (vocais), João Alencar (percussão), Alexandre Ferreira (sax, pífanos e vocais), Leo Lira (guitarra, bandolim e vocais), Ebel Perrelli (bateria) e Jackson Jr. (baixo). (Regional)

Quando: 06/10 as 21h
Quanto: Grátis
Onde: Teatro Décio de Almeida Prado
R. Cojubá, 45 – Itaim Bibi – Oeste. Telefone: 3079-3438.

Daniela Procópio

A cantora e compositora paulistana lançou seu primeiro álbum (homônimo), com arranjos de cordas e madeiras assinados por Eumir Deodato. Suas canções misturam afoxé e jazz. (MPB)

Quando: 07/10 as 22h
Quanto: Grátis
Onde: La Tambouille
Av. Nove de Julho, 5.925 – Jardim Paulista – Oeste. Telefone: 3079-6277.

outubro 1, 2008 at 9:14 pm 3 comentários

O dia que o ipod salvou minha vida.

Fiquei um tempo sem escrever, desculpem….

Mas voltei mais revoltado do que nunca…haha

Tenho que rir pra não chorar de novo.

Dia 11 de setembro de 2008, sete anos se passaram dos atentados, muita comoção e eu voltando para casa de ônibus.

Der repente me aparece um menino e me aponta uma arma, pedindo meu dinheiro. Fiquei na situação que havia comentado em um post passado.

Não tinha dinheiro e isso o irritou bastante e ele disse que não queria atirar em ninguém, resumindo ele levou meu celular……e “graças a deus” meu ipod… acho que se eu não tivesse dado meu ipod, algo poderia ter acontecido.

Fui a delegacia mais próxima e fui obrigado a ouvir do policial que eu não podia fazer o B.O. ali e tinha que ir na delegacia da berrini para isso. Ao ouvir isso fiquei desconsolado…..além de ser assaltado tinha que ir as 10 da noite para um lugar lá no fim do mundo para poder fazer justiça. que absurdo.

Mas esse assunto é para o próximo post, o fato é que por não ter dinheiro poderia ter levado um tiro e que um ipod salvou minha vida.
Tem uma música dos Engenheiros do Hawaii que diz assim:
“quanto vale a vida de qualquer um de nós?
Quanto vale a vida em qualquer situação?
Quanto valia a vida perdida sem razão?
Num beco sem saída, quando vale a vida?

Acho que é mais ou menos por ai….

Segue a programação pra essa semana:

Guizado

O trompetista apresenta aqui seu projeto solo, cruzando eletrônica, jazz, funk, dub e rock, acompanhado de alguns dos melhores músicos da cidade. (Variado)

Onde:
Studio SP
Rua augusta, 591 – consolação – Centro

Quando:
Dia 16: 21h

Quanto :
Grátis

Oké Arô
Os batuques, os tambores da tradição africana, o pop eletrônico, os pontos de umbanda com hip hop, samba, repente nordestino, jongo.

Onde:
Sesc Pompéia
Rua Clélia, 93 – Pompéia

Quando:
Dia 16 as 21h

Quanto:
grátis

setembro 14, 2008 at 11:11 pm Deixe um comentário

Dinheiro na mão é vendaval

Hoje acordei cansado, porém motivado, isso me fez refletir sobre o dinheiro e a relação dele com nossas vidas.
Acho que nos dias capitalistas de hoje, não podemos viver sem pensar em dinheiro, são contas a pagar, comida para comprar, gasolina ou “dinheiro pro busão” enfim uma série de dependências deste tão querido e odiado dinheiro.

Lembrei-me de um fato que aconteceu com um amigo meu, que quase morreu porque não tinha dinheiro…

Hahaha…

Olha que absurdo hoje em dia você corre o risco de morrer por não ter dinheiro.

Um belo dia esse meu amigo estava andando na rua quando anunciaram um assalto, ele sem saber como reagir mostrou a carteira vazia para o sujeito.

Ao ver que ele estava “pobre” o tal sujeito ameaçou ele de morte.

Ou seja, ele poderia morrer de qualquer jeito, com ou sem dinheiro.

Haha… tenho que rir pra não chorar…

Pois é gente, infelizmente estamos sujeitos a morrer por ele e tenho certeza que morreremos para ganha-lo.

Mas o mais importante de tudo é não abrir mão de sua vida por ele.

É mais ou menos como já dizia Rita Lee:
“Amor eu já tenho
Saúde também
Trabalho não falta
A família vai bem
Amigos são poucos não devo a ninguém
Sou um bom brasileiro
De precisar mesmo
Eu só preciso dinheiro”

Como o assunto é dinheiro, podemos nos divertir sem ele

Tony Gordon
Filho de Dave Gordon e Denise Duran (irmã de Dolores Duran), o cantor sobe ao palco para apresentar um repertório dedicado às canções de Tim Maia, dentro do projeto A Praça É do Síndico: Homenagem a Tim Maia. (MPB)

ONDE:
Cigana
R. Coropés, 87 – Pinheiros – Oeste. Telefone: 3816-3843.
QUANDO:
Quinta (04): 21h.
QUANTO:
grátis

Chico Mendes
O cantor e compositor Chico Mendes, apresenta em grande estilo, o Show Pérolas de Clara Nunes na Voz de Chico Mendes. Homenagem pelos 25 anos de ausência, da inesquecível cantora,completados no dia 02 de abril.No repertório sucessos como: contos de areia, você passa eu acho graça;lama;o canto das três raças, alvorada no morro, na linha do mar e outras antologias,do verdadeiro samba.Chico Mendes participou, fazendo coro em algumas gravações dos discos da Clara Nunes, no final das décadas de 70.

ONDE:
SESC Consolação
QUANDO:
Dia(s) 04/09
Quinta, às 19h30.
QUANTO:
Grátis

setembro 3, 2008 at 2:13 pm 3 comentários

Um sorriso vale mais do que mil palavras

Eu estava escrevendo sobre um assunto muito diferente desse, mas enquanto escrevia, presenciei uma situação que me deixou muito revoltado e triste ao mesmo tempo.
Estava eu almoçando quando começou uma discussão no refeitório. Nem sabia sobre o que se tratava, mas foi tanta falta de respeito, que fiquei chocado.
Li num livro uma frase mais ou menos assim:
“antes de começar uma discussão, tente entender a situação da outra pessoa, veja o ponto de vista dela para entender melhor os seus argumentos.”
Pense na situação de uma pessoa que sai às 5 da manhã para trabalhar, trabalha o dia inteiro fazendo isso com amor e dedicação. Que no fim do dia não escuta nem um obrigado, apenas reclamações.
É triste

Então, comece a dar valor para as pessoas que fazem as pequenas coisas na sua vida.

“a melhor doação que você pode fazer é dar um sorriso.
Você não gasta nada para doá-lo mas tem muito valor para que recebe.”

Uma musica do Charlie Brown jr. Que diz assim:
“Você devia dar uma importância maior pras coisas corriqueiras da vida
Você devia dar uma importância maior pro que realmente tem valor na sua vida.”

La vai à dica cultural de hoje:

Los Porongas
Com o seu CD de estréia em todas as listas dos melhores discos nacionais de 2007, a banda-revelação acreana mostra seu rock alternativo e original. (Rock)
Sesi Vila Leopoldina Teatro
R. Carlos Weber, 835 – Vila Leopoldina – Oeste. Telefone: 3834-5523.
Quando
Dia 03: 20h.

Jorge Bonfá
Arranjador, violonista e compositor, Bonfá toca músicas próprias e canções de Vinícius de Moraes, Sivuca e Menescal, entre outros. Acompanhado de quatro músicos, Bráulio Mangualde (bateria), Elói de Paula (contrabaixo) e Leonardo Brasiliano (trombone), ele recebe o pianista Tomás Improta como convidado especial. (MPB)
Unidade Provisória Sesc Avenida Paulista Teatro auditório
Av. Paulista, 119 – Bela Vista – Centro. Telefone: 3179-3700
Quando
Dia 02: 19h.

setembro 1, 2008 at 5:08 pm 3 comentários

Respeite para ser respeitado!

Hoje vindo para o trabalho, me flagrei pensando, na verdade fiquei bravo, com as atitudes do povo brasileiro.
Acho que hoje eu acordei um pouco revoltado, mas voltando.
É engraçado como nós brasileiros exigimos honestidade dos nossos governantes, é reclamação do transito, é reclamação da sujeira, enfim sempre reclamando.

Mas vamos parar um pouco e pensar.

O que é mais fácil mudar, os outros ou nós mesmos?

Vamos olhar para nós mesmos, e nos perguntar:

Você é honesto? Com você mesmo principalmente?

Você no transito, da seta quando vai virar ou estacionar? Você respeita o limite de velocidade?
Você como pedestre, aguarda o sinal de pedestre ficar verde?

Você como cidadão, você joga lixo na rua? Você respeita os idosos e deficientes? Você no metrô não fica na porta para não atrapalhar os outros?

Então vamos por a mão na consciência, e ver a nossa parcela de culpa na situação do nosso país.

Como já diria Michael Jackson, na música “ Man in the mirror ”

“If you wanna make the world a better place
Take a look at yourself, and then make a change”

Se você quer fazer do mundo um lugar melhor,
Olhe para si mesmo, e então faça uma mudança.

E falando em música, segue mais uma dica de shows gratuitos:

Karina Ninni – A cantora paulista homenageia Sylvia Teles, primeira cantora de bossa nova do Brasil e intérprete fundamentalmente importante para compositores então iniciantes, como o próprio Tom Jobim, Carlos Lyra, Roberto Menescal, Ronaldo Bôscoli, entre outros.

SESC Santo André
Dia(s): 30/08
Sábado ás 16h

Arnaldo Antunes– O ex-Titãs mostra o repertório do disco “Ao Vivo no Estúdio”, que tem parcerias com Carlinhos Brown, Marisa Monte e Adriana Calcanhotto, e também apresenta releituras de músicas como “Acabou Chorare”, além dos sucessos de seu antigo grupo. (Rock)

Shopping Metrô Tatuapé
Dia 31
Domingo ás 12h.

agosto 29, 2008 at 2:34 pm 1 comentário

A estrela do mar


Ontem, em um bar com uns amigos, em meio a varias conversas um assunto em particular me chamou a atenção.
A estória é mais ou menos assim:

“um velho saía todas as manhãs para caminhar na praia, lá ele encontrava pescadores trabalhando e
Milhares de estrelas do mar. O velho muito pacientemente abaixava-se, recolhia uma estrela do mar, limpava a e devolvia ao mar.
Ele fazia isso todas as manhãs, até que certo dia, os pescadores que ali trabalhavam perguntaram:
– Senhor, porque você vem à praia todas as manhãs, limpa algumas estrelas e as devolve ao mar? Que diferença isso faz? Já que todos os dias a maré traz mais milhares de volta?
E o velho sabiamente respondeu:
– Olha, faço isso porque me faz bem, pra mim não faz diferença nenhuma devolve-las ao mar… Mas para elas faz muito diferença.”

Por isso, quando alguém disser que algo é perda de tempo, pense…..
E segue uma dica para fazer a diferença:

No dia 31 de agosto, na praça da luz, entre a estação da Luz e a Pinacoteca acontecerá o show do Dia de Fazer a Diferença, com a presença confirmada de grandes músicos como: Bruno & Marrone, Paula Lima, Jair Rodrigues, Pepeu Gomes, Negra Li, Wilson Simoninha, Luciana Melo, Léo Maia entre outros.

Nos vemos lá.

agosto 28, 2008 at 1:52 pm 4 comentários


Categorias

  • Blogroll

  • Feeds